Napoleão Bonaparte

Napoleão Bonaparte foi um importante imperador francês que realizou grandes conquistas que marcaram a história do país.

Napoleão Bonaparte, França, império

Napoleão Bonaparte foi um importante personagem durante muito tempo para o exército francês. Ao longo de sua vida, se dedicou ao seu país elaborando estratégias de guerra que ajudaram a França a ser uma das maiores potências da época.

A região da Europa passou por momentos muito delicados como, por exemplo, períodos de guerra e foi graças as suas grandes conquistas alcançadas por meio de sua liderança do exercício francês que Napoleão Bonaparte imortalizou o seu nome na história do país e do mundo.

Dentre o dia 18 de maior do ano de 1804 a 6 de abril do ano de 1814, Napoleão Bonaparte viveu os seus melhores momentos como imperador da França sob o título de Napoleão I. A cada nova vitória obtida em suas guerras, ele expandia cada vez mais o seu território e aumentava a influência do pais sobre as provinciais vizinhas.

Ascensão militar e política

Este importante personagem francês nasceu no ano de 1769 e uma cidade chamada Córsega Francesa. Seus pais eram aristocratas italianos e seguidores da monarquia absolutista da França e, portanto, como a maioria dos jovens aristocratas da Europa desse período, Bonaparte ao completar os seus estudos básicos decidiu escolher a carreira militar para seguir.

Foi graças a sua inscrição para Escola Militar de Paris que ele conseguiu ter acesso a conteúdos sobre táticas e estratégias de guerra. Após um longo período de aprendizagem decidiu continuar a sua carreira militar, mas se especializando em artilharia.

Durante o período da revolução francesa que ocorreu no ano de 1789, Napoleão estava na cidade de Córsega onde se envolveu com os conflitos entre os monarquistas e os republicanos revolucionários.

Acompanhou firmemente as mobilizações desses dois grupos até o ano de 1792 em que se mostrou a favor da Convenção estabelecida pelos jacobinas, que era o grupo mais radical dentre os revolucionários da França, que mais tarde ficou conhecida como “terror revolucionário”.

Após a sua especialização na área militar, Napoleão Bonaparte participou de campanhas na Itália mesmo sendo considerado muito jovem. Apesar disso, conseguiu realizar um bom trabalho que logo lhe rendeu frutos por se tornar um dos oficiais de maior destaque dentro do exercício francês.

Prisão

Mesmo com tanto sucesso na área milita foi preso em 1794 por estar associado com o grupo revolucionário conhecido como jacobinos que também chegou ao fim nesses mesmo período.

Contudo, é importante destacar que não ficou preso por muito tempo visto que os principais responsáveis por colocar um fim na convenção precisam de conhecimentos militares como os de Napoleão para dar continuar as campanhas do exercício na época que envolviam, principalmente, missões a serem travadas na região norte da África e também no Edito.

Depois de um pequeno período após ser preso, Napoleão marchou junto as tropas da França para o Edito com o fim de combater a aliança existente entre o Império Turco-Otomano, os Mamelucos e a Grã-Bretanha.

Napoleão Bonaparte acabou sendo reconhecido por ter uma participação muito importante na conquista da cidade de Alexandria e também por ter incentivado a inicializações de estudos sobre a antiguidade egípcia. Como resultado disso, a França conseguiu trazer muitos antiquários.

Consulado

No ano de 1799, iniciou uma nova fase da revolução francesa que ficou conhecida como consulado. Essa etapa foi resultado de uma artimanha para realizar um golpe político que foi pensando pelos os participantes da alta burguesia, além de alguns nobres e figuras importantes do exército como, por exemplo, Napoleão.

O principal objetivo desse grupo era instaurar um governo forte e centralizado. Posteriormente, o dia do golpe foi denominado pelos estudiosos como “18 Brumário” e simboliza o início da era napoleônica no comando da França. Os principais responsáveis pelo Consulado além de Napoleão Bonaparte foram Emmanuel Sieyès e Roger Ducos. Essa organização durou até 1804 quando Napoleão conseguiu ser nomeador imperador por meio de um plebiscito.

O império

Por meio do processo citado anteriormente, Bonaparte deu início ao período que ficou conhecido como império Napoleônico que ficou caracterizado pelas diversas guerras ao longo de todo o território europeu. Apesar dos grandes custos e das vidas perdidas nessas batalhas, eram consideradas por Napoleão Bonaparte como libertadoras, pois acreditava era algo necessário a manutenção política da França.

Por isso, sem dúvida, é possível afirmar que o absolutismo monárquico foi o sistema que vigorou enquanto Bonaparte se manteve no poder que foi marcado por diversas alterações que envolviam, principalmente, novas políticas e reformas sociais.

Com o passar dos anos, Napoleão Bonaparte realizou grandes conquistas com seu exército que crescia cada vez mais e com base nas estratégias que elaborou para vencer os seus inimigos. No entanto, por volta do ano de 1812 o seu império começou a enfrentar sérios problemas que foi ainda agravado com a guerra contra a Rússia.

Essa batalha foi determinante para estabelecer um fim no império de Napoleão Bonaparte. Os líderes do exército russo utilizaram o rigoroso inverno do país com artimanha para derrotar o poderoso exército francês. Após a derrota, Napoleão foi exilado na ilha de Elba.

Comentários