Geopolítica

A geopolítica é um termo bastante importante para a manutenção das relações internacionais. Aproveite para saber mais sobre esse assunto.

Geopolítica, relações, países

Um dos assuntos de maior enfoque nos vestibulares e concursos, sem dúvida, é a questão geopolítica. Esse é o termo utilizado na academia que tem como caráter a conotação estratégia que é relacionado na grande maioria das situações a questões militares. Logo, essa palavra pode ser definida como um conjunto de práticas e ações realizadas no âmbito de poder.

Por ser uma questão tão importante, muitos Estados Nacionais apresentam uma grande preocupação com esse assunto visto que muitas das relações internacionais são trabalhadas e dirigidas pelas diversas formalidades que compõem o cenário geopolítico, principalmente, no sentido de promover o controle e gerenciamento sobre os territórios.

Logo, a geopolítica também pode ser identificada como um instrumento de análise das influências geográficas sobre as relações de poder nas relações internacionais.

Histórico

Apesar de estar muito presente na sociedade contemporânea, o conceito por traz da palavra geopolítico foi originalmente desenvolvido pelo cientista político sueco Rudolf Kjellén durante a virada do século XX que, após essa apresentação, passou a ser um conceito utilizado por toda a Europa.

A principal justificativa para essa tendência está no fato de que, nesse período, muitas guerras ocorriam. Com uma disputa tão intensa no combate das maiores potências econômicas do mundo, muitas questões políticas precisaram ser resolvidas tanto para o desenvolvimento do conflito como também para o seu desfecho.

No discurso contemporâneo, esse termo tem sido amplamente empregado como um sinônimo frouxo para a política internacional. No entanto, é preciso destacar que a distinção no termo geopolítica em relação a geografia política ainda é foco de debates frequentes por parte dos cientistas sociais das diversas áreas de conhecimento.

Esses dois tópicos apesar de serem duas áreas de conhecimento que se complementam e apresentam conceitos e ideias muito parecidas, geralmente, são considerados como tópicos diferentes do saber. De acordo com os estudiosos, a principal diferença que pode ser utilizada para justificar esse posicionamento está na abordagem que cada uma apresenta.

Ou seja, enquanto a geopolítica se preocupa em se restringir a questões de estratégias e de relações internacionais que envolvam os Estados, relações de poder e organizações de maior soberania, a geografia política está mais intrinsecamente ligada com a questão das relações que envolvam a caracterização espacial desde que relacionado ao poder do Estado.

Como visto a diferença entre esses dois conceitos é bastante sútil. Devido a isso é que existe muita discussão em torno de assunto.

Seção

Por meio dos tópicos destacados, você já deve ter notado que o conceito de geopolítico é bastante abrangente. Logo, é de se esperar que seja um tópico capaz de ser utilizado como identificador de uma seção para caracterizar todos os assuntos que estejam relacionados a sua definição.

Com a utilização de uma etiqueta com a geopolítica muitos livros, sites e outras plataformas de ensino buscam agrupar os temas relacionados a questões de relações políticas e de estratégias de nível internacional nessa seção. Muitos dos eventos que envolvem assuntos diplomáticos entre dois Estados soberanos podem ser encontrados em matérias sobre esse conceito.

Um dos exemplos que a maioria das pessoas conhecem devido as proporções grandiosas que o evento representou para a definição do cenário econômico mundial é a Guerra Fria. Durante esse período, muitas ações que envolviam as relações internacionais dos Estados Unidos como da União Soviética foram decisivas para a criação de uma grande tensão política entre essas duas nações.

Devido a essa caracterização que esse evento apresenta nada mais justo do que rotula-lo como uma das maiores questões geopolíticas já vividas pela sociedade. Vale a pena destacar que o estudo de eventos como esse é bastante complexo e, por isso, nunca deve ser deixado de lado o fator das transformações presentes no espaço geográficos.

As dinâmicas que um ambiente apresenta devem ser considerados como um grande ponto a ser analisado durante o estudo do conceito geopolítico. A justificativa para isso se deve ao fato de que muitas das relações internacionais existentes atualmente podem ser consideradas como fruto de eventos históricos.

As diversas alianças existentes entre os países foram conquistadas por meio de muita discussão, principalmente, em questões relacionadas ao termo geopolítico.

Principais questões contemporâneas

Conforme já destacado, os principais tópicos sobre o qual os analisadores das questões geopolíticas se debruçam estão destacados logo a seguir:

  • Assuntos que envolvam problemas regionais que foram causados por problemas internos como, por exemplo, separatismo, autonomia, independentismo, regionalismo, além de outros.
  • Riscos fronteiriços apresentados por uma tensão política. Um exemplo claro disso é a situação entre os países da Coreia do Sul e Coreia do Norte.
  • Debate em torno da utilização de locais propícios a energias alternativas.
  • Consequência da rede urbana mundial como, por exemplo, pólos, administrativos, tecnológicos e dentre outros.
  • Discussão sofre a exploração ou acessos aos recursos do Oriente Médio e da África.
  • Aplicação dos recursos agrícolas e usinas de biocombustíveis, principalmente, no caso do Brasil.
  • Análise do quadro de acesso a água potável, principalmente, em regiões carentes.

Como visto, a geopolítica é uma área que apresenta um vasto campo de estudo e que é muito importante para relações da civilização contemporânea.

Comentários